Sobre 4 meses no Porto

Bom dia gente linda!!

Hoje completo 4 meses no Porto. Essa cidade que virou minha segunda casa e aprendi a amar.

Cheguei aqui dia 10 de Fevereiro, perdida, sem saber onde ir ou o que fazer, nos primeiros dias, google maps que me ajude, não sabia me achar até a rua da esquina. Hoje, ando por tudo sozinha, sem ajuda de nada nem ninguém.

Esses dias chegando de viagem, descendo da estação 24 de agosto e respirando o ar da rua, senti cheirinho de casa, é engraçado, porque 4 meses nem são muita coisa, mas o Porto me acolheu e eu acolhi o Porto de uma tal maneira, que sim, aqui eu me sinto em casa.

Aprendi nesses quatro meses a me virar sozinha e descobri que tenho mais mania que muito velhinho por ai. Meu armário de comida é organizado de tal maneira que alguma coisa fora daquele esquadro me deixa aflita. Minhas coisas na “casa de banho” (ainda não me acostumei com isso e só lembro da música da Lady Gaga Bad Romance que tem “bath haus of gaga” logo no início) ficam em um cantinho específico e numa sequência “x” que mudar algo de lugar está fora de cogitação.

Meus cabides na arara ficam todos com a voltinha pra fora e virar apenas um ao contrário, me enlouquece (ok, essa mania minha não é de hoje).

Aprendi a lavar roupa, separar por cor, tecido, o que pode e o que não pode, quantidade de detergente e amaciante a colocar, saber esperar a maquinada, estender a roupa, recolher, dobrar (calma, não me julguem, os últimos 3 itens eu já fazia antes, não com tanta frequência como agora, mas sim, já fazia isso), manter o quarto organizado, limpeza uma vez por semana, as vezes até duas.

Me redescobri na cozinha, não como uma Cheff, mas vi que sei me virar, fiz rocambole de carne, bolo de cenoura, macarronada, arroz, franguinho na chapa.. E deu. Ok, uma negação, eu sei. hehehehhehe

Aprendi a economizar. Descobri parte do mundo, viajei o quanto pude, conheci o quanto pude. E o mais importante descobri que tem uma Diana aqui dentro que quer cada vez mais explorar e conhecer, agarrar cada boa oportunidade que a vida oferece.

Sonhei desde sempre em fazer um intercâmbio no exterior, mas passei boa parte da vida achando que seria algo impossível. Primeiro que deixei algumas oportunidades escorrerem entre meus dedos na adolescência. Mas agora com 23 anos tenho certeza do que eu quero pra mim.

Esse post dedico aos meu pais que sempre me apoiaram na minha carreira e principalmente nos meus sonhos, e desejo aos meus dois irmãos mais novos que possam realizar isso e muito mais, e quero ser sempre um exemplo para ambos.

Amo vocês. Thiago, Mariana, Jussandra, Dilton e Déia.

Diana_caric

Anúncios

Bolsa Santander – Minha experiência

Oii galera!! Tudo beeeem?

Vou contar para vocês como consegui a bolsa de intercâmbio!

Não foi facin não geentee.

Praaa começar…Estudo na UNESC – Universidade do Extremo Sul Catarinense e sou cliente do Banco Santander.

Lá estava eu, lendo meus e-mail rotineiros e limpando o meu lixo eletrônico, eis que vejo um e-mail do Santander (sempre excluo e-mails assim porque 95% dos casos são vírus), mas naquele dia resolvi verificar o conteúdo, graças ao padinho padiciço. Faltavam 3 dias para o encerramento das inscrições da bolsa, li o edital, estava tudo dentro da minha situação. Saí correndo e fui atrás dos documentos. Quando cheguei na Universidade, me assustei, fui informada que eram mais de 80 inscritos, dentre medicina, direito e outros cursos tops, achei que não iria ter chance nem de chegar a esquina, maaaaas como já estava lá, fiz a inscrição e esqueci, literalmente.

Um belo dia recebi um e-mail da Universidade convocando os contemplados da bolsa, achei muito estranho pois realmente não acreditava que iria conseguir. Resolvi verificar o edital da bolsa.. e tcharããããCapturarA bolsa Santander:

*Lançado em 2011, o Programa de Bolsas Ibero-Americanas é uma iniciativa criada para um período de 5 anos (2011 à 2015) com o objetivo de promover o intercâmbio acadêmico anual de estudantes de graduação entre universidades de 10 países da região da Ibero-América: Brasil, Argentina, Espanha, Chile, Colômbia, México, Peru, Portugal, Porto Rico e Uruguai.

• 1ª edição 2011: 49 universidades – 265 universitários
• 2ª edição 2012: 88 universidades – 530 universitários
• 3ª edição 2013: 110 universidades – 800 universitários
• 4ª edição 2014: 141 universidades – 1.060 universitários
• 5ª edição 2015: à definir

A bolsa de estudo tem valor equivalente a 3 mil euros por aluno de graduação. Este valor deve ser utilizado como bolsa-auxílio para cobrir custos com transporte, hospedagem e alimentação, já que o curso é um investimento que deve ser concedido como resultado de um acordo estabelecido entre a universidade de origem e a de destino.

 *Informações do site: Banco Santander

No ano de 2014 as instituições abaixo foram selecionadas a participar do programa (não me perguntem como é o procedimento para abrir para novas universidades)

Capturar

Genteeem, não sei dizer a data que será lançado o edital desse ano, mas fiquem ligados no site do Santander que acredito que em Maio eles liberam! O link tá aqui.

Para definir a instituição de destino, vocês precisam verificar com o setor de relações internacionais na faculdade de vocês, pois deve ser um acordo entre universidades (origem/destino).

Espero que essas dicas possam ajudar vocês! Se tiverem alguma dúvida ficarei feliz ajudar a medida do possível.

Beijããão! :*