Croquis em aquarela

Bom dia gente!!

Fiz alguns trabalhos em aquarela na cadeira de práticas de pintura aqui no Porto.

Comprei a tinta aquarela no Brasil a uns 3 anos, mas eu nunca tinha usado. Usei tudo agora na FBAUP e adooooorei trabalhar com aquarela *—* já fiz vários trabalhinhos que eu gostei muuuito do resultado.

Esses 6 pinturas fiz como apresentação de projeto final.DSCN0435 DSCN0436 DSCN0437 DSCN0439 DSCN0440 DSCN0441Espero que tenham gostado, e vocês curtem pintar com tinta aquarela?Beijinhos. :*

Anúncios

Sobre alojamento no Porto

Bom dia geeente!!

Chegando próximo a data de eu voltar pro Brasil (óóóóóó :/) queria falar um pouquinho pra vocês sobre alojamentos aqui no Porto.

Existem algumas opções de aluguel para estudantes, não só no Porto como na Europa inteira.

Entre as opções tem casa de família, alojamento universitário, repúblicas, aluguel de quarto, aluguel de apartamento.. É só escolher o que é melhor pra você.

Eu aluguei um quarto na casa de uma escultora Portuguesa que fica no Bonfim, paguei carinho mas vale muuuuito a pena, a menina é um doce de pessoa e como o ape dela é grande e com 4 quartos compartilhei a experiencia do Porto com um alemão e uma menina da Hungria, meu inglês não é dos melhores, mas a gente conseguiu se entender. 🙂

Quando fui pesquisar por lugares pra morar, procurei por alojamentos, mas várias pessoas me falaram que não havia fogão nos alojamentos e a maioria eram com quartos compartilhados. Alojamentos são realmente mais baratos, cerca de 140 Euros. Mas como eu queria mais privacidade e não queria ficar 6 meses a base de lasanha congelada, não quis alugar quarto no alojamento.

Encontrei uma casa de família com limpeza do quarto incluáda, cerca de 300 Euros, também optei por não alugar pois teria que pegar metro pra ir pra faculdade e eu queria muito economizar nessa parte.

Aluguel de apartamento vária muuuuuuuuito de região pra regição vi opções de 300 a 800 Euros.

Outra opção são as repúblicas que também variam no custo e você pode morar com outros estudantes, e varia em torno de 150 a 250 Euros.

Quando eu estava pra decidir o que eu ia fazer, alguns sites me auxiliaram bastante, que são eles:

–  http://alojamentouniversitario.com/

–  https://www.facebook.com/apsporto2?ref=ts&fref=ts

e o grupo no Facebook: BRASUP – brasileiros na UP

A casa onde eu moro eu encontrei no “alojamento universitário”, troquei alguns e-mails com a menina e fechei contrato. Aqui não preciso usar metro pra ir pra faculdade, tenho mercado, açougue e fruteira por perto e fica a 10 minutos a pé do centro.

Espero que possa ajudar vocês de alguma maneira, se ficarem com dúvidas, terei o prazer de ajudar a medida do possível. 🙂

Beijinhos :*

Desenho – finalização em estamparia parte 1

Bom dia genteee!!

Um dos projetos da faculdade aqui no Porto foi para a matéria de Desenho III. Essa matéria como grande maioria das matérias da faculdade são supeeeeer artísticas (claro né, faculdade de Belas artes. dããã). O projeto começou com a composição de quatro objetos e fazer vários estudos em desenho em diversos ângulos e montagens, Ahh uma observação importante, deveriam ser objetos “naturais”, tipo ferro, madeira, papel, plástico… Nada de objeto já pronto como caixa ou copo. Tiveram alguns trabalhos que utilizaram objetos já em sua forma mas a proposta era realmente algo mais cru.

Meus objetos foram: um ferro retorcido, um pedaço de pano, uma pedra e um plástico.

A primeira parte do projeto não ficou muito boa, então vou pular direto pra parte que eu curti mais… Depois do processo de estudos deveríamos nos desconstruir em novos desenhos que dariam origem a uma nova proposta -deu pra entender?

O que resultou da segunda parte foram estes desenhos:1 2 3 4 5

A minha ideia era transformar os desenhos em estampas e foi o que eu fiz, e ficaram assim:38 39 40 46 42 41 52 51 50 49 48 47

Posteriormente a criação das estampas precisei aplicar as estampas em alguma ambientação, maaaaas para o post não ficar gigante, vou deixar para o próximo post.. 😀 há

É isso, beijinhos :*

Sobre 4 meses no Porto

Bom dia gente linda!!

Hoje completo 4 meses no Porto. Essa cidade que virou minha segunda casa e aprendi a amar.

Cheguei aqui dia 10 de Fevereiro, perdida, sem saber onde ir ou o que fazer, nos primeiros dias, google maps que me ajude, não sabia me achar até a rua da esquina. Hoje, ando por tudo sozinha, sem ajuda de nada nem ninguém.

Esses dias chegando de viagem, descendo da estação 24 de agosto e respirando o ar da rua, senti cheirinho de casa, é engraçado, porque 4 meses nem são muita coisa, mas o Porto me acolheu e eu acolhi o Porto de uma tal maneira, que sim, aqui eu me sinto em casa.

Aprendi nesses quatro meses a me virar sozinha e descobri que tenho mais mania que muito velhinho por ai. Meu armário de comida é organizado de tal maneira que alguma coisa fora daquele esquadro me deixa aflita. Minhas coisas na “casa de banho” (ainda não me acostumei com isso e só lembro da música da Lady Gaga Bad Romance que tem “bath haus of gaga” logo no início) ficam em um cantinho específico e numa sequência “x” que mudar algo de lugar está fora de cogitação.

Meus cabides na arara ficam todos com a voltinha pra fora e virar apenas um ao contrário, me enlouquece (ok, essa mania minha não é de hoje).

Aprendi a lavar roupa, separar por cor, tecido, o que pode e o que não pode, quantidade de detergente e amaciante a colocar, saber esperar a maquinada, estender a roupa, recolher, dobrar (calma, não me julguem, os últimos 3 itens eu já fazia antes, não com tanta frequência como agora, mas sim, já fazia isso), manter o quarto organizado, limpeza uma vez por semana, as vezes até duas.

Me redescobri na cozinha, não como uma Cheff, mas vi que sei me virar, fiz rocambole de carne, bolo de cenoura, macarronada, arroz, franguinho na chapa.. E deu. Ok, uma negação, eu sei. hehehehhehe

Aprendi a economizar. Descobri parte do mundo, viajei o quanto pude, conheci o quanto pude. E o mais importante descobri que tem uma Diana aqui dentro que quer cada vez mais explorar e conhecer, agarrar cada boa oportunidade que a vida oferece.

Sonhei desde sempre em fazer um intercâmbio no exterior, mas passei boa parte da vida achando que seria algo impossível. Primeiro que deixei algumas oportunidades escorrerem entre meus dedos na adolescência. Mas agora com 23 anos tenho certeza do que eu quero pra mim.

Esse post dedico aos meu pais que sempre me apoiaram na minha carreira e principalmente nos meus sonhos, e desejo aos meus dois irmãos mais novos que possam realizar isso e muito mais, e quero ser sempre um exemplo para ambos.

Amo vocês. Thiago, Mariana, Jussandra, Dilton e Déia.

Diana_caric

As portas do Porto

Buenas gente bonita!!

Algumas coisas aqui no Porto me chamaram muito a atenção. Entre elas, é claro, a arquitetura. Pode parecer muito bobo, mas fiquei principalmente apaixonada pelas portas, azulejos e janelas. Por esse motivo, decidi começar um projeto pessoal #portasdoporto, ou seja, por onde eu for nos próximos meses vou fotografar portas e compartilhar com todos vocês. Os desenhos e a estrutura de cada uma me deixaram encantada.

Espero que gostem pelo menos um pouquinho do que eu gostei! 🙂 DSC06949    2 DSC06953   2 DSC06954  2 DSC06955    2 DSC06958   2 DSC06963   2