Sevilla

Bom dia genteeem!!!

To passeando mais que Angelina Jolie e Brad Pitt de férias, hsuahsuhaushuahsuah. Brincadeira gente, mas sim, estou tentando aproveitar tudo e visitar o que for possível.

Fui a Sevilla na mesma semana que fui ao Algarve, como fomos de carro ao Sul de Portugal, aproveitamos e passamos o dia de Sexta-feira em Sevilla, vou te contar, oOO cidadezinha liiinda!!

DSCN7005 DSCN7040 DSCN7051 DSCN7078 DSCN7097 DSCN7102 DSCN7122 DSCN7127 DSCN7148 IMG_7519 IMG_7623 IMG_7731 IMG_7775 IMG_7776Beijinhos :*

 

Barcelona – Minha experiência

Oii gentem, como estão?

Estive em Barcelona na mesma época que estive em Madrid. Já vou começar o post dizendo que a experiência não foi das melhores por um alguns motivos, mas hilária por outros, então uma coisa compensa a outra … Que vou contar no decorrer háá!

Chegamos em Barcelona no dia do meu aniversário de 23 aninhos, não poderia querer coisa mais especial *-*. Viajamos de ônibus a noite toda pra chegar pela manhã. Como o check-in era só a partir das 14h, literalmente nos jogamos no sofá da recepção do hostel. Decidimos esperar por ali pra entrar no quarto e deixar as coisas.

Ficamos no Hipstel hostel, e totalmente ao contrário do de Madrid, não indico pra minha pior inimiga!!! Pra começar o staff (recepção) só falava inglês (um país espano e os recepcionistas só falam inglês?! Para nééé), depois,quiseram nos cobrar duas vezes um mesmo valor e ainda tiveram a cara de pau de perguntar se não queríamos pagar de novo, graças ao pai as meninas que estavam comigo sabiam falar inglês e nos livraram de uma baita enrascada. No meu troco, ele não me devolveu 0,05cents e eu pedi (ai vocês dizem: Diana sua mão de vaca! Não, não é ser mão de vaca gente, primeiro porque isso em real já são quase R$0,20 e depois o dinheiro é MEU por direito), pra completar a grosseria o cara falou “a mais, a menos, pra mim não faz diferença”. –‘

Ainda sobre o Hostel, estava em reforma, era um entra e sai no nosso quarto, o Wifi não funcionava direito, não podia usar o fogão, o jantar era 4,99€ e não valia tudo isso, o café da manhã (que eu não comi) era 2,99€ também não valia, lado positivo: O café era free 🙂

As entradas pra entrar nos lugares eram absurdamente caras e não rolava meia para estudante, então decidimos ver só de fora mesmo, entramos apenas no Parc Güell, que é liiiiindo o valor pago achei alto com relação ao tamanho do parque.

Dia 1: Saímos pra ver as casas, a pedreira, e jantar MC Donalds!!!! 😀 Siiiiim porque jantar tava muito carooo e nós como sendo intercambistas tentamos economizar ao máximo. Chegamos ao bairro gótico, que é lindo por sinal, Plaza Catalunya e retornamos ao Hostel.casas casas2 cataluny2 cataluny3 catalunya gotic

Dia 2: Fomos ao Castelo Montjuic (quuuuue pernada), a vista vale a pena, queriamos muito ver a fonte mágica mas estava desligada :(… Plaza Spanya, parque Joan Miró.mont2 mont mont7 mont4

Dia 3: Esse foi o dia trágico. Acordamos cedinho pra entrar na Sagrada família mas a entrada funciona com horário marcado e tem muuuuuita gente, chegamos na Sagrada Família as 09:30 e a próxima entrada era apenas para as 14:00, decidimos voltar no outro dia. Fomos ao Parc Güell e chegamos lá funcionava do mesmo jeito, mas como era longe para um canário e fomos a pé, decidimos ficar por lá e esperar a hora de entrar, valeu a pena, Dica: Comprem as entradas online.

Por último fomos a Torre Agbar e a dança das luzes que fica ao lado, o lugar é lindo demais.sagara guel87 guel8 guel6 agbar4 agbar3 agbar2

Assim, gente, brasileiro (eu pelo menos) é muito iludido achando que coisas ruins e assaltos só acontecem no Brasil, idiooooootaaaa.. Nos empolgamos tanto com o lugar e estávamos tão seguras, que deixamos as bolsas a uns 2 metros de nós e fomos bater algumas fotos, alguém passou e FURTOU a bolsa da minha amiga com câmera, passaporte, dinheiro, tudo. Eu sei, fomos extremamente ingenuas, assim como qualquer turista, deslumbrado pelo lugar. Dali fomos correndo pra uma delegacia, lá descobrimos que esses furtos acontecem e muito, não é com mão armada nem nada como normalmente é no Brasil, eles simplesmente esperam você se distrair e pegam as suas bolsas, câmeras, celulares. Em choque retornamos ao hostel.

Dia 4: Levantamos cedinho e ficamos até umas 14h em função de passaporte e documentações. Sobrando um tempinho a tarde fomos a la Barceloneta, é uma praia linda demaaaais, mas tava um frio do senhor Cacet* e ficamos de jaqueta groooossa. Pra descontrair eu caí da escada ao estilo Nazaré Tedesco, rolei uns 7 degraus em posição de ovo e o cara da recepção viu tudo pela câmera de segurança, pensa em 4 gurias que ficaram uns 10 minutos rindo incontrolavelmente no meio da escada, sim gente meu tombo foi épico.barcelo

Ahh só para constar, um passaporte de emergência custa 170FuckingEuros, então cuidem das suas coisas em qualquer lugar do mundo pra não passarem por isso

Beijinhos!! :**

Madrid – Minha experiência

Oii galera!!

Recentemente visitei Madrid com mais 3 amigas(melhor parte do intercâmbio na Europa, poder visitar vááários lugares), quero compartilhar um pouco da experiência com vocês.

Bom, primeiro fizemos uma jantinha pra organizar todo nosso cronograma, quantos dias, o que visitar, quanto $$ levar, enfim, se organizar pra não rolar imprevistos (pode ser a pessoa mais organizada do mundo, mas eles SEMPRE haverão).

Ficamos em Madrid 4 dias no Hostel Las musas (Hostel são mais baratos de hotéis, o inconveniente e ao mesmo tempo legal é que você divide o quarto com desconhecidos)e foi mais que suficiente pra conhecer o lugar. É uma cidade encantadora.

O Staff (pessoal da recepção) são super queridos e atenciosos, até tentaram falar português.Tem cozinha disponível. Tivemos um probleminha com a água do chuveiro (que não esquentava), utilizamos o banheiro compartilhado pra resolver, fora isso foi super legal, conhecemos algumas meninas chinglings (me desculpem, mas eu nunca consigo diferenciar chinesa, coreana e japonesa). O hostel fica super bem localizado, próximo a Plaza Mayor.

Dia 1: Chegamos perto do meio dia deixamos as malas no hostel (check-in era só as 15:00) e fomos almoçar e começar nosso cronograma. O primeiro dia, pra mim, foi bem frustrante, achei que eu ia ver algumas coisas impressionantes e me desapontei um pouco. Por exemplo: Chegamos a Plaza Mayor achei que haveriam monumentos ou alguma outra coisa e era realmente apenas uma Praça com algo que parecia rodeado de apartamentos. Meu segundo desapontamento foi a Porta del Sol, quando chegamos nesse local fiquei mó tempão procurando essa tal porta e encontramos apenas uma estátua de um urso e uma árvore, não fiz questão de fotos, mais tarde fui saber que esse era um monumento importantíssimo de Madrid. O primeiro dia quase não aproveitamos até porque ficamos m pouco perdidas, resolvemos voltar ao Hostel e reorganizar os outros dias (não tínhamos noção que tudo era tão perto, o mapa engana muito)plaçapuerta sol

Dia 2: Acordamos cedinho e fomos a Porta Toledo e subindo em direçãoao Palácio real. Fomos na Puerta de Toledo, Basilica de San Francisco, Palácio Real e Templo Debod (são todos na mesma direção)basilicapalaciopalacio3debod dobod2

Dia 3: Nesse dia pegamos o metro e fomos ao Museo del Traje, imaginem o quanto eu pirei!!! Cada canto de um museu de moda é inspirador pra mim, amo ficar olhando aquelas vestes, poderia ficar lá o dia todo *-*. Como as meninas queriam ver outros museus fomos então ver o Reina Sofia e o Museo del Prado (não façam isso de ver vários museus em um mesmo dia, é extremamente cansativo)reinasofiatraje

Dia 4: O último dia foi mais “tranquilo”, fomos ao Parque de el Retiro, Puerta de Alcalá e no fim do dia ao Matadero, onde ocorrem algumas exposições.retiro3 retiro2retiro alcala

Dica super importante!! Não deixem de ir ao 100 montaditos, são mini sanduíches extremamente deliciosos, nas Segundas tem promo, todos do cardápio estão a 0,50cents. Experimentem o pãozinho de chocolate *-* tenho saudade dele TODOS OS DIAS!! Ah e também comer as porras com chocolate (é um tipo de churros).montaditosporrasEspero que tenham curtido!!

Beijinhos :*